segunda-feira, 8 de março de 2010

O ESPERMOGRAMA DO VELHINHO


Um velhinho tinha que fazer espermograma. Foi à farmácia e comprou um potinho desses para coleta de material.

Chegando em casa, foi ao banheiro e tentou com a mão direita, tentou com a esquerda e até com as duas e... nada!


E chamou sua mulher. Ela tentou com a mão direita, com a esquerda, com as duas e até com a boca mas também não conseguiu.


Não vendo outra opção, chamaram a vizinha.


Essa, querendo ajudar, mesmo bastante constrangida, tentou com a direita, com a esquerda, com as duas mãos e, muito sem graça, pediu licença e tentou também com a boca mas não obteve sucesso.


Então, a vizinha, não se dando por vencida, chamou a filha de 18 anos, uma menina encantadora.


A jovem, ruborizada, repetiu as tentativas: mão direita, esquerda, as duas, usou a boca mas igualmente... nada conseguiu.


O velhinho, muito triste, retornou à farmácia e devolveu o pote ao vendedor perguntando:


- Dá pro senhor me arrumar outro potinho porque lá em casa, ninguém conseguiu abrir esse?

4 comentários:

Everlon on 9 de março de 2010 07:20 disse...

SAuhsauhasuhauhuhsa
Muito boa essa.. =D

Diptero on 15 de março de 2010 17:55 disse...

Até eu qui so un burro já sabia que era o pote que não abria... Muito Ruim Mesmo!

Quiroptero on 15 de março de 2010 17:57 disse...

Até eu qy só um burro já sabia no começo no que era o pote qui num abria!

http://1.bp.blogspot.com/_itnji9T45XQ/SR22-582F_I/AAAAAAAAAz8/bxDT_1csgdI/s400/partir-a-rir.header.smilingpig.jpg

Pupão on 16 de março de 2010 19:33 disse...

Muito Ruim!!!

Postar um comentário